• Dicas de sites
  • Um Ano Sem Zara = 365 dias criativos

    Joanna Hanson de Moura, 26 anos, publicitária e consumista assumida, gastava boa parte do seu orçamento com compras de roupas. Decidiu parar de gastar dinheiro com compras quando se deu conta que em seu armário existia muita roupa que não usava. Jogar fora, doar? Nada disso. A moça resolveu criar um blog onde se compromete a não comprar nenhuma peça de roupa durante um ano inteiro. O projeto que leva o nome de “Um Ano Sem Zara“, alusão a loja de roupas Zara, ainda está no começo. Jojo, como é conhecida, conseguiu passar ilesa pelo primeiro mês sem comprar nenhuma peça, apenas usando o que já tem. Será que ela consegue?

    Um Ano Sem Zara

    Pelas fotos e descrições das roupas, podemos ver que ela possui um acervo de qualidade e quantidade, com roupas de marcas famosas, isso faz com que o projeto se torne um pouco mais fácil, um pouco. Joanna terá que exercitar sua criatividade para criar looks diferentes a cada dia para não parecer que está sempre com a mesma roupa. Durante uma semana ela já experimentou como é usar a mesma peça e ter que dar cara nova à peça todos os dias. (Eu já tentei isso brincando no post Desafio Fantástico).

    Um Ano Sem Zara

    Com certeza esse projeto fará com que Joanna passe a olhar para as coisas de um jeito novo, com uma mente mais criativa ela será capaz de pensar em soluções que antes não conseguia enxergar. Outra vantagem do projeto é que ela economizará bastante dinheiro, já que não fará nenhuma compra. Resta saber se ela saberá utilizar todo o dinheiro economizado no ano. A publicitária precisará tomar muito cuidado para não desviar o foco de suas compras e sair por aí esbanjando com outras coisas, aí de nada valerá todo o esforço financeiro…

    O projeto que ganha fama na internet, não é nenhum milagre. Milhares de meninas com pouco poder aquisitivo fazem o projeto “um ano sem Zara” sem querer. Não têm condições de comprar e precisam fazer (na marra) verdadeiros jogos de criatividade para comporem looks diferentes todos os dias. Mundo controverso este, não é mesmo?

    Para conhecer o projeto visite: umanosemzara.blogspot.com

    Compartilhe