• Moda
  • Como se vestir para ir ao trabalho

    Você sabe realmente se vestir para ir ao trabalho? A maioria das mulheres acreditam que sim, mas muitas vezes usamos combinações inapropriadas para um ambiente corporativo. O problema se agrava quando chega o calor, pois queremos usar roupas confortáveis e fresquinhas, mas apropriadas par o ambiente de trabalho.

    Como se vestir para o trabalho

    As suas roupas devem ser escolhidas de acordo com o seu cargo e política de vestimenta da empresa. Se a empresa que você trabalha possui um manual de vestuário apropriado, facilita muito na hora de escolher suas roupas, na maioria das vezes você encontra essas roupas em lojas com coleções mais sociais e em lojas de moda evangélica.

    Como se vestir para o trabalho

    Todo mundo concorda que vestir calças sociais, neste calor que atinge nosso país, é bem desconfortável, então vamos trazer algumas dicas básicas para criar seu look usando saias e vestidos no ambiente de trabalho.
    O ambiente corporativo costuma ser tomado pelas roupas pretas, mas esse tipo de cor concentra muito calor. Por esse motivo é ideal você utilizar cores mais neutras e claras como o cinza claro, bege, marrom e off-white.

    Como se vestir para o trabalho

    Você pode usar o preto, mas evite usá-lo em todas as peças ao mesmo tempo. Procure utilizá-lo em saias, para você ter mais facilidade com a escolha da blusa e acessórios. Evite os tons pasteis como rosa e azul claro numa composição única, para o seu look não ficar infantilizado. Cores mais vibrantes devem ficar para os acessórios.
    Ao contrário do que a maioria pensa, o branco não é uma cor só para o réveillon. Você pode utilizar vestidos brancos com um corte e tecido mais sociais para o ambiente de trabalho. Ou combinar blusas brancas com saias ou calças de cores variadas, para equilibrar a combinação.

    como se vestir para o trabalho

    Você com certeza deve evitar os shorts, mesmo que seja de alfaiataria. Ficar com as pernas à mostra num ambiente de trabalho é muito deselegante, mesmo em ambientes mais despojados como as agências de publicidade. Evite as transparências e costas peladas no trabalho, também. Está muito na moda o uso de croppeds, mas não use no trabalho, pois deixar a barriga de fora mesmo que só um pedacinho não transmite segurança.
    Os vestidos mais encorpados, de malha, linho, oxford e algodão são opções excelentes para o ambiente corporativo. Fique atenta ao corte, para que não fique justo nem esvoaçante de mais.

    Como se vestir para o trabalho

    Você pode usar estampas no escritório, mas procure não abusar muito. Não se esqueça de deixar o comprimento das saias e vestidos, no máximo um pouco acima dos joelhos e evite decotes profundos, também.

    Como se vestir para o trabalho

    Por fim, por mais que esteja calor, o escritório costuma ter ar condicionado, então tenha sempre um cardigã ou um blazer chave com você. Dessa forma, você não sofre nem com o calor nas ruas ou com o frio dos ar condicionados dentro do escritório.

    Texto escrito por Bela Loba

    Compartilhe



  • Moda
  • Vestidos para daminhas de casamento e festas infantis

    O fim do ano está quase chegando e logo começam a surgir muitas festas e casamentos. E começa aquela história de que vestido usar… sabe que essa busca para comprar o vestido de festa perfeito atinge até as crianças?! As noivas e as mamães de daminhas ficam loucas atrás do melhor vestido para as princesinhas usarem na cerimônia. Então hoje a dica é de vestidos fofos para as pequenas!
    Pode-se fugir do tradicional vestido branco ou rosinha. As daminhas podem usar muita cor, não há uma regra de que o vestido infantil delas tem que combinar com o vestido da noiva. Acho até que fica mais interessante que as daminhas estejam bem coloridas para dar um contraste com o vestido branco da noiva.

    Quanto mais rodado for o vestido de criança, mais gracioso ficará na menina. Ele pode ter muitas camadas e babados. E claro, tem que ser feito de tecidos nobres como tafetá, seda, crepe, cetim, tule e renda.

    Vestidos para daminhas de casamento e festas infantis

    Vestidos para daminhas de casamento e festas infantis

    Vestidos para daminhas de casamento e festas infantis

    Vestidos para daminhas de casamento e festas infantis

    Vestidos para daminhas de casamento e festas infantis

    Vestidos para daminhas de casamento e festas infantis

    Vestidos para daminhas de casamento e festas infantis

    Vestidos para daminhas de casamento e festas infantis

    Compartilhe



  • Moda
  • A moda na internet

    Já parou pra pensar que em hoje em dia mais pessoas estão ligadas à moda? Em geral, as pessoas estão se vestindo melhor, tendo mais estilo, pensando mais na hora de comprar e se vestir – tanto homens como mulheres. Acredito que grande parte dessa mudança vem pelo uso cada vez maior da internet. As pessoas estão se informando mais, lendo mais sobre moda e tendências e isso é muito bom!

    Comprando roupas pela internet (lembra da loucura do Black Friday?) é possível pesquisar mais e conseguir peças legais bem em conta (cupons de desconto, lojas gringas, Ebay, etc). Além disso a gente tem mais tempo pra analisar se a roupa é bacana ou não. Acho que não há tanto aquele impulso de sair comprando tudo que acontece quando se está em uma loja física. Os blogs e canais de moda estão aí para dar dicas muito bacanas de estilo e ensinam direitinho como o povo deve usar determinada peça, o que fica bem em cada tipo físico, etc.

    moda na internet
    Foto

    Alguns dos blogs mais influentes de moda no Brasil como Garotas Estúpidas, Fashionismo, Modices, dão dicas de compras, matérias sobre diversos estilistas e claro, trazem os tão famosos looks do dia, que ao contrário do que muita gente pensa, não é besteira, pois através dele conseguimos treinar nosso olhar para criar composições diferentes do que estamos acostumados a usar no dia a dia, enfim, ajuda a sair da mesmice, entende?

    E se a pessoa está sem grana e não pode comprar roupa nova existem os blogs de customização e DIY que ensinam como reaproveitar e transformar as roupas, como o Customizando, Opinando Moda, entre outros.

    Isso apenas no Brasil, se falarmos da internet mundial, são tantos os blogs! Recomendo muito o Le Blog de Betty, The Blonde Salad e o famoso The Sartorialist.

    Compartilhe



  • Dicas de sites
  • Um Ano Sem Zara = 365 dias criativos

    Joanna Hanson de Moura, 26 anos, publicitária e consumista assumida, gastava boa parte do seu orçamento com compras de roupas. Decidiu parar de gastar dinheiro com compras quando se deu conta que em seu armário existia muita roupa que não usava. Jogar fora, doar? Nada disso. A moça resolveu criar um blog onde se compromete a não comprar nenhuma peça de roupa durante um ano inteiro. O projeto que leva o nome de “Um Ano Sem Zara“, alusão a loja de roupas Zara, ainda está no começo. Jojo, como é conhecida, conseguiu passar ilesa pelo primeiro mês sem comprar nenhuma peça, apenas usando o que já tem. Será que ela consegue?

    Um Ano Sem Zara

    Pelas fotos e descrições das roupas, podemos ver que ela possui um acervo de qualidade e quantidade, com roupas de marcas famosas, isso faz com que o projeto se torne um pouco mais fácil, um pouco. Joanna terá que exercitar sua criatividade para criar looks diferentes a cada dia para não parecer que está sempre com a mesma roupa. Durante uma semana ela já experimentou como é usar a mesma peça e ter que dar cara nova à peça todos os dias. (Eu já tentei isso brincando no post Desafio Fantástico).

    Um Ano Sem Zara

    Com certeza esse projeto fará com que Joanna passe a olhar para as coisas de um jeito novo, com uma mente mais criativa ela será capaz de pensar em soluções que antes não conseguia enxergar. Outra vantagem do projeto é que ela economizará bastante dinheiro, já que não fará nenhuma compra. Resta saber se ela saberá utilizar todo o dinheiro economizado no ano. A publicitária precisará tomar muito cuidado para não desviar o foco de suas compras e sair por aí esbanjando com outras coisas, aí de nada valerá todo o esforço financeiro…

    O projeto que ganha fama na internet, não é nenhum milagre. Milhares de meninas com pouco poder aquisitivo fazem o projeto “um ano sem Zara” sem querer. Não têm condições de comprar e precisam fazer (na marra) verdadeiros jogos de criatividade para comporem looks diferentes todos os dias. Mundo controverso este, não é mesmo?

    Para conhecer o projeto visite: umanosemzara.blogspot.com

    Compartilhe