• dicas
  • O que muda no sono no inverno?

    No inverno sempre dá aquela sensação de mais fome e vontade de dormir, não é? Por isso, nessa época comemos alimentos mais pesados, aumentamos a quantidade ingerida e queremos passar mais tempo na cama, usando aquele pijama de inverno bem quentinho.

    Mas, você sabe o que muda no corpo e no seu sono no inverno? A primeira mudança é por conta da sensibilidade ao horário, no inverno o dia escurece mais cedo e amanhece mais tarde, com isso o corpo sente que precisa ficar mais um tempinho embaixo das cobertas.

    Para não afetar seu sono, procure manter horários regulares e evite comer comidas pesadas perto da hora de dormir, mesmo que seu organismo peça por mais alimento por conta da queima calórica.

    Você sabia que o inverno também afeta seu humor? Durante os meses de frio as células produzem menos serotonina, um hormônio responsável pela sensação de bem-estar e pela regulação do sono, enxaqueca e saciedade. Para manter sua produção, pratique exercícios e melhore a alimentação.

    Como escolher seu pijama de inverno

    Para escolher o pijama masculino ou feminino ideal, pense sobre como você se sente confortável na hora de dormir, se é com um tecido mais leve, mais encorpado ou meio termo.

    Por exemplo, o pijama em meia malha, é ideal para quem costumar suar bastante a noite e prefere um tecido mais equilibrado, que aqueça e seja leve. Já o de flanela resulta em um bem mais pesado, perfeito para as regiões mais geladas do país.

    Enquanto isso, a viscolycra é um tecido bem leve, com caimento sutil e toque frio, combina com as pessoas que preferem se aquecer com mais cobertores do que com um pijama de inverno.

    Compartilhe



  • dicas
  • Revelar Fotos: Quais Escolher?

    Você já parou para ver quantas fotos estão armazenadas na memória do seu celular? Com o avanço da tecnologia, nossos celulares se tornaram câmeras fotográficas potentes e portáteis e é impossível deixar que momentos passem sem tirar uma foto.

    Mas não foi só a forma de tirar fotos que mudou. Se antes era preciso revelar fotos para guardar as memórias de momentos importantes em álbuns fotográficos, hoje em dia nossos fotos ficam armazenadas na própria memória do celular, computador ou em nuvens online.

    Embora as formas de armazenamento tenham mudado e se tornado cada vez mais práticas e seguras, ainda há quem dê preferência para a revelação de fotos. Mas por qual motivo isso acontece se é tão mais fácil aderir ao armazenamento online?

    Revelar fotos digitais
    Foto: Unsplash

    Revelação de Fotos

    Se antes o processo de revelação de fotos ocorria pela necessidade, já que era a única forma de ver fotografias tiradas por câmeras, hoje em dia ele ocorre por prazer.

    Revelar Fotos para montar álbuns fotográficos e eternizar momentos especiais é nostálgico, vintage e muito divertido. Fora que é possível escolher determinadas fotos para compor um álbum que tenha sua cara e eliminar as fotografias indesejadas.

    Mas calma aí, quais fotos escolher na hora da revelação de fotos? Como garantir que a qualidade não se perca na hora de revelar fotos?

    Revelar fotos
    Foto: Unsplash

    Revelação Digital

     Já que estamos falando de tecnologia, é impossível não falarmos da revelação digital. O processo de revelação de fotos também avançou, se modernizou e a revelação digital se tornou a melhor maneira de evitar que a qualidade das fotos escolhidas se perca.

    Na hora de escolher as fotos para revelação, tenha em mente o álbum de fotos que você deseja montar e selecione aquelas que mais se aproximam da sua ideia. Evite fotos borradas, distorcidas e repetidas, isso garante que o álbum tenha mais coerência no resultado final.

    Tem sido cada vez mais fácil revelar fotos e o processo de revelação digital auxilia para que a impressão das fotos saia de acordo com seu gosto pessoal. Então se você também é apaixonado por fotografia, mãos à obra!

    Compartilhe



  • dicas
  • Lista de Enxoval: Tudo que seu Bebê vai precisar

    Uma das datas mais importantes da sua vida está chegando? Você e seu marido estão correndo para compor o enxoval?

    De fato, trata-se de um momento de muita alegria, porém, que exige bastante atenção para não errar ou esquecer itens essenciais, como fronhas, lençol para berço, jogo de cama, entre outros.

    Toda a família aguarda ansiosamente para ver o rostinho do mais novo integrante da, e quando ele chegar, muita comemoração e felicidade esperam por todos.

    Porém, antes é preciso focar na lista de enxoval, e tudo que seu bebê vai precisar. Vocês já têm uma ideia?

    Vamos ajudá-los com algumas dicas e com uma lista bem bacana!

    Lista de enxoval de bebê
    Foto: Pixabay

     

    Necessidade e bom gosto

    Compor um bom enxovalsignifica escolher itens de roupa de cama, vestuário, objetos de higiene, além de outros diversos. Tudo depende do perfil de cada um dos pais, assim como a necessidade real do bebê.

    Ou seja, alguns itens são básicos e muito necessários. Outros, você pode optar para adquirir depois, ou quando precisar realmente.

    Quando o assunto é compor o enxoval do bebê, é preciso focar no conforto necessário para a criança, assim como tentar aliar o seu gosto pessoal. Viu, como envolve diferentes detalhes?

    A primeira dica é montar uma lista apenas com os itens que não podem faltar de jeito nenhum, principalmente aqueles necessários para os dias no hospital, e as primeiras semanas do bebê em casa: berço, lençol para berço, fronha, macacãozinho, fraldas, chupeta, carrinho, etc.

    Na questão do jogo de cama de berço, procure produtos produzidos com 100% algodão, uma vez que a pele do recém-nascido é muito sensível e precisa de materiais macios.

     

    Confira lista de enxoval com tudo que seu bebe vai precisar

    • Berço;
    • Lençol de berço;
    • Fronha;
    • Lençol infantil avulso;
    • Jogo de berço;
    • Jogo de minicama;
    • Almofadas;
    • Edredons;
    • Mantas;
    • Mosquiteiro;
    • Banheira;
    • Trocador;
    • Toalhas;
    • Lenço umedecido;
    • Shampoo;
    • Pacotes de algodão;
    • Fraldas de tecido;
    • Chupeta;
    • Mordedor;
    • Meias;
    • Saída da maternidade.

    Essa Lista de Enxoval tem tudo que seu Bebê vai precisar nas primeiras semanas, e que são essenciais para esta fase. Agora, é esperar a chegada do novo integrante e cuidar dele com muito carinho. Boa sorte!

    Compartilhe



  • dicas
  • Como funcionam os cursos pré-vestibular?

    Quer saber como funciona um curso pré-vestibular? Acompanhe esse post e, de quebra, conheça outras opções em cursos online para suas aulas de reforço!

    Você está finalizando o Ensino Médio e já começou a se preparar para os acirrados vestibulares? Certamente você já notou que a competição por uma vaga é grande – seja em universidades públicas ou privadas. Nessa jornada, o caminho mais comum é o curso pré-vestibular.

    Mas será que os cursinhos são exatamente a melhor escolha para todos os alunos? É o que você vai descobrir em nosso post de hoje. Saiba como funciona o curso pré-vestibular e suas características. Acompanhe e tire suas dúvidas sobre o assunto. Boa leitura!

    Como estudar cursinho pré-vestibular
    Foto: Unsplash

    Quais as principais características dos cursinhos?

    Quando falamos em cursinho pré-vestibular, a primeira imagem a surgir pode ser a de professores dinâmicos, ensinando matérias complexas em cima do palco, com músicas e fantasias. E isso é comum. Uma das grandes características dos cursinhos é o dinamismo das aulas.

    Principalmente em véspera de exames, as escolas optam por criar aulas em forma de espetáculo. Além de receber o conhecimento mais informalmente, os alunos sentem-se mais relaxados e à vontade.

    Além dessa característica, podemos citar outras como:

    • Professores familiarizados com vestibulares
    • Aulões temáticos
    • Material didático próprio
    • Pagamento mensal, semestral ou anual
    • Possibilidade de preparação para vestibulares específicos

    Quanto tempo dura o curso pré-vestibular?

    O tempo de um cursinho está atrelado ao objetivo do aluno, bem como sua dedicação e aprendizagem individual.

    Alunos que almejam ser aprovados em grandes vestibulares de Medicina, por exemplo, podem frequentar as aulas de 2 a 3 anos. No entanto, carreiras menos concorridas podem exigir apenas 1 ano de estudo intenso nos cursos.

    A universidade escolhida também determina a duração do curso. Vale salientar que universidades particulares geralmente exigem menos do que as públicas. Nesse sentido, 1 ano de cursinho pode ser o suficiente.

    Quais os custos de um curso pré-vestibular?

    Apesar de ser uma boa fonte de preparação, muitos alunos acabam optando por cursos online e outros tipos de aula de reforço justamente pelo alto custo dos cursinhos.

    Os valores variam de acordo com o renome da instituição – incluindo mensalidade e material didático. Quanto mais conhecida for a instituição – bem como o sistema de ensino – mais alto ou mais baixo é o custo.

    A média de valores do Curso Anglo, por exemplo, é de R$164 a R$1.203 por mês – depende da quantidade de aulas por semana, área de especialização e período de estudo.

    Como se preparar para o vestibular sem os cursinhos?

    Mas nem todos os vestibulandos têm condições de arcar com os altos custos dos cursos pré-vestibulares. Nesse cenário, uma boa saída é apostar em aulas de reforço e cursos online. Boas plataformas, como a Tá Dominado, oferecem cursos e videoaulas com professores especialistas na área.

    Além de reforçar os seus conhecimentos para o vestibular, você pode utilizar as aulas de reforço para eliminar dúvidas de matérias vistas em sala de aula, melhorando suas notas.

    Veja algumas vantagens de fazer cursos online para o vestibular ou para aulas de reforço escolar:

    • Videoaulas com conteúdos de todas as matérias, incluindo informática básica;
    • Videoaulas específicas;
    • Videoaulas com resoluções de exercícios 24 horas por dia, 7 dias por semana;
    • Contato direto por e-mail com professores;
    • Professores treinados e com experiência em ensino EAD.

    Como você percebeu, o curso pré-vestibular é uma boa opção de preparação. Porém, não é a única. Se você prefere estudar e ter aulas de reforço em casa, no dia a hora que preferir, as videoaulas do Tá Dominado são a melhor escolha! Saiba como o portal funciona e faça hoje mesmo seu cadastro. Bons estudos e até a próxima!

     

    Compartilhe