Algumas palavras sobre o Aprendiz 8

O Aprendiz 8

O que esperar de um programa de really show que se intitula O Aprendiz? No mínimo que seus participantes aprendam como administrar, empreender e liderar. Eles estão lá para aprender! Mas não é o que temos visto No Aprendiz 8 que tem se mostrado um programa superficial, beirando o baixo nível…

Após os erros da equipe, é de se esperar que João Doria Jr, mostre a equipe porque ela errou. Porém, isto não vem acontecendo em O Aprendiz 8. O que se vê na sala de reunião são brigas, barracos e acusações pessoais (de pessoas que se dizem profissionais), quando se deveria mostrar os pontos que levaram a perda da tarefa. O que me parece é que a emissora Record busca uma tentativa de alavancar a audiência do programa por meios duvidosos – o que é uma lástima. Já que esse programa não é voltado para a massa, vamos dar um jeitinho de torná-lo…

Para citar um exemplo, no episódio 4, as equipes tiveram que criar ações de merchandising e publicidade para um carro da Kia, entre elas um vídeo viral. A equipe vencedora executou a tarefa de maneira exemplar, todas as ações foram focadas e os objetivos atingidos. A equipe perdodora mereceu justamente a sala de reunião, até esse ponto tudo bem. Mas faltou João Doria Jr mostrar porque erraram, já que ficou claro que eles não perceberam…
Entendo que este programa é assistido por muitos estudantes que gostam de tirar um aprendizado das tarefas e trazer para suas vidas, mas como fazer isso se não é apresentado o porquê de uma derrota?

Para quem não assistiu este episódio, veja abaixo:

Veja alguns pontos que fizeram esta equipe perder:

  • – Video viral não é o mesmo que uma propaganda de televisão. A equipe levou o dia todo para editar um vídeo que ficou com cara de profissional. Explicando rapidamente, um vídeo viral deve ser um vídeo engraçado e com cara de caseiro para que as pessoas pensem que se trata de algo real e espontâneo.
  • – Erro de impressão no material. Como um cliente poderá te encontrar se seu endereço está errado? É um erro gritante distribuir propagandas com seu endereço errado.
  • – Abordagem errada. Cheiro de carro novo? Qualquer carro novo tem cheiro de carro novo! A abordagem da equipe deveria mostrar porque aquele carro era o melhor… com tantas qualidades que o carro tinha (e que foi passado no Briefing) quem ia ligar para o cheiro do carro?
  • – Falta de inovação. A equipe vencedora criou uma ação onde ela dava carona para as pessoas que estavam bebendo nos bares e não podiam dirigir. Então durante o trajeto era apresentado todos os pontos positivos do carro.
    Briga de equipe e falta de organização na frente de possíveis clientes.
  • Líder que não sabe liderar e não sabe ouvir a equipe.

Acredito na capacidade de João Doria Jr como empreendedor, mas ele e a Record têm pecado nesse ponto, de não mostrar os erros e ensinar a maneira correta. Nisso Roberto Justus era bom, espero que ano que vem o programa seja apresentado por ele. E você, o que pensa a respeito disso?

Compartilhe



5 Comment

  1. Vagner Pereira says:

    Tive esta mesma impressão, que aparentemente é fato.
    Na edição anterior durante as reuniões eram apresentados fotos e vídeos do erros, e cada integrante era avaliado e além dos erros eram pontuados os acertos também. A sala de reunião deveria ser o momento de maior transmissão de informações relevantes e agregadoras, mas há um foco de promover a discordia entre os participantes e criar um ambiente apenas de acusações onde cada um visa apenas incriminar e ficar isento de culpa. Levando isso em consideração a capacidade de argumentação e convencimento está no topo das habilidades para vencer, ou seja, ache um erro alheio e use o mínimo de veracidade com o máximo de persuasão.

  2. Kelly says:

    Na minha opinião este programa está bem xoxinho e perdeu a graça!

  3. Eu ainda não vi esta série por falta de oportunidade, mas fiquei curiosa quando vi a propaganda a primeira vez. É uma pena que não tenha atingido as expectativas esperadas. Creio que eu vá assistir alguns pela internet, para saber dele. Ótimo post ^^

  4. Ricardo says:

    Concordo com a colocação feita pela autora do blog … vou repetir o comentário que fiz em outro portal.Na sala de reunião devem ser respondidas as seguintes perguntas: Qual era o real objetivo da tarefa? Que característica empreendedora se estava testando? Quais das características em teste a equipe deixou a desejar ou nem ao menos executou? Ao longo de todas as tarefas, qual dos aprendizes teve menos atitude empreendedora? Para ao fim se chegar a uma demissão. Fatores pessoais se prevalecem. Postamos comentários porque acreditamos no objetivo do? programa, sendo ele com Justus, João Dória Júnior, ou com quem for. Espero sinceramente que a produção tenha uma equipe de ‘clipping’ que esteja fazendo o gerenciamento de comentários sobre o programa na internet. Porque infelizmente vejo uma maioria descontente com o que esta assistindo.

  5. Rafaela says:

    Concordo Plenamente, se não for dado feedback sobre os erros com finalidade de APRENDIZADO dos participantes e de nós expectadores o programa perde o sentido. Voto pela volta do Justus e se possivel com participações especiais do Eike Batista a sumidade Brasileira no quesito Empreendimentos! O programa deveria voltar reformulado em 2012, mesmo que no final do ano, pois tira-lo de cena dá descontinuidade, não apresenta a flexibilidade a mudanças que é necessária ao processo de melhoria continua.

Deixe uma resposta